Rss

Get Adobe Flash player

 
Rúben Vinagre e Ernest reforçam Académica
Quarta, 31 Agosto 2016

Rúben Vinagre e Ernest são os mais recentes reforços da Académica. Com apenas 17 anos, recentemente campeão europeu por Portugal, Rúben Vinagre chega à Briosa cedido pelo AS Mónaco enquanto o extremo ganês Ernest, de 20 anos, reforça os “estudantes” proveniente do Moreirense com um contrato de empréstimo válido por uma época.

Rúben Vinagre vai envergar a camisola número 29 enquanto Ernest vai vestir a 19.


Rúben Vinagre: “É um passo muito importante na minha carreira”

Ao Site Oficial da Académica, o internacional português mostrou-se muito feliz e revelou estar a dar “um passo muito importante na carreira”.

“Sou um jogador muito ambicioso. Estou a dar um passo muito grande na minha carreira e espero honrar a camisola da Académica. O meu objectivo passa por ajudar a equipa a atingir os objectivos e, claro, crescer como jogador. Esta era a melhor solução para mim neste momento.”, frisou.

Rúben Gonçalo Silva Nascimento Vinagre nasceu em Lisboa a 9 de Abril de 1999 e foi no Belenenses que começou a dar os primeiros pontapés na bola. Ingressou depois nos escalões de formação do Sporting e com idade de juvenil reforçou o Mónaco. Pelo meio, foram várias as vezes em que foi chamado à Selecção Nacional, entre as quais no último Campeonato da Europa de sub-17, onde se notabilizou.

Aos adeptos, Rúben Vinagre deixou a promessa de muito trabalho e dedicação.

“Os adeptos podem esperar de mim um jogador que tudo vai dar por esta camisola. Vou ajudar a Académica a lutar pela subida de divisão, é isso que todos querem que aconteça.”, terminou.
 

Ernest: “Venho para ajudar a Académica”

 

O novo reforço da Académica revelou, em declarações ao Site Oficial do clube, que o grande objectivo da sua chegada a Coimbra passa por ajudar a Briosa ao longo da época e mostrou-se motivado para esse efeito.

“A Académica é uma opção muito boa para mim. É uma boa equipa, com bons jogadores, e quero ajudar o clube a atingir os seus objectivos. Vou trabalhar para ajudar a equipa. Sou um jogador muito rápido, com bom drible e bom remate.”, começou por dizer.

Ernest revelou ainda o teor da conversa com o seu compatriota Nii Plange já depois de ter assinado pela Académica.

“Sim, é verdade, somos amigos. Liguei ao Nii Plange para lhe dizer que vinha para a Académica e ele ficou feliz. Estou muito satisfeito por estar em Coimbra.”, rematou.
 


“Posso dizer que me nasceram os dentes na Académica.”, Paulo Cardoso, Presidente da Académica, em 1992 / 1993.

 Sócios

Faz-te Sócio

 Loja Online

Loja Online

 Histórico e Palmarés

Histórico e Palmarés

 Redes Sociais

 

 E-Sports

E-Sports

 Briosa Pelo Mundo

Briosa pelo Mundo

 Press Center

Press Center

 Newsletter da Académica

Clique aqui