Rss

Get Adobe Flash player

 
João Real, Marinho e João Dias são reforços da Académica
Terça, 21 Junho 2011

A Académica assegurou esta terça-feira a contratação de João Real e Marinho, ambos ex-Naval, e de João Dias, jogador que na temporada passada defendeu as cores do Trofense. Depois do regresso do avançado Rui Miguel, a Briosa chega a acordo com mais três jogadores, dando passos firmes na preparação para a nova época.

João Real, Marinho e João Dias cumpriram esta manhã os habituais exames médicos e estiveram à conversa com o Site Oficial da Académica, onde falaram pela primeira vez como jogadores da Briosa.

Recorde-se que João Dias assinou contrato por 2 anos com os “estudantes” enquanto João Real e Marinho estão comprometidos com a Académica para os próximos três anos.

João Dias, o estudante universitário, concretiza “um sonho” na Académica

Aos 24 anos, o jovem defesa português estreia-se no principal escalão do futebol nacional depois de ter passado por Sp. Braga e FC Porto, clubes onde fez a sua formação, AC Prato (Itália), Infesta, Santa Clara e Trofense.

João Manuel Antunes Dias, licenciado em Desporto e que se encontra a frequentar o primeiro ano de Mestrado, afirmou ao Site Oficial dos “estudantes” que “concretizou um sonho”.

“Estou muito feliz. Concretizei um sonho que sempre tive, que era chegar à Primeira Liga. Sempre senti uma grande admiração pela Académica, é um clube com muito historial, tem excelentes condições e é, sem dúvida, o emblema ideal para mim. As pessoas acreditam nas minhas potencialidades.”, começou por dizer.

João Dias afirmou que o seu maior objectivo será “ajudar a colocar a Académica nos patamares que realmente merece”, adiantando que a Briosa “tem potencial” para fazer um bom campeonato.

“Quero ajudar a Académica, formar um grupo forte, com espírito vencedor e de união, de forma a, todos juntos, colocarmos a Académica nos patamares que merece. Temos potencial para fazer um bom campeonato e se formos unidos e competitivos podemos fazer uma boa época.”, adiantou.

O defesa, de 24 anos, revelou que “foi muito fácil chegar a acordo com a Académica pois havia interesse de ambas as partes” e afirmou que tudo fará para “retribuir a aposta”.

“Vou fazer tudo para retribuir a aposta que fizeram em mim. Foi fácil chegar a acordo, havia interesse das duas partes e espero que as coisas corram bem dentro do campo. Vou dedicar-me a 100% para que, todos juntos, possamos fazer uma boa época.”, terminou.
 

João Real e o “orgulho” de representar a Académica

AD Estação, Sp. Covilhã, Naval e agora Académica. Aos 28 anos, João Daniel Mendes Real, natural da Covilhã, chega a Coimbra para representar a Briosa e ambição parece não faltar no discurso do defesa-central.

“É um orgulho representar a Académica, um clube histórico. As responsabilidades aumentam e vou trabalhar muito, com dedicação, para ser útil e corresponder ao desafio.”, começou por dizer.

João Real mostrou-se feliz por ter assinado por um clube como a Académica e revelou que o principal objectivo para a nova temporada passa por “lutar por uma boa classificação e honrar o emblema da Académica.”.

Ao Site Oficial dos “estudantes”, João Real mostrou-se convicto numa temporada positiva e deixou ainda uma palavra de apreço aos sócios e simpatizantes da Briosa.

“Os jogadores sentem-se mais fortes quando têm os adeptos do lado deles. Sei que nunca estaremos sós porque os adeptos da Académica apoiam e acompanham a equipa de forma intensa. Tudo faremos para lhes dar alegrias.”, concluiu.

 

Marinho: “Chego a um patamar que sempre ambicionei”

Quem também conhece uma casa nova a partir de hoje é Marinho. O extremo, que na temporada passada também representava a Naval, chega a Coimbra para representar a Académica e não tem dúvidas em afirmar que chega a “um patamar que sempre ambicionou.”

“Chego a um patamar que sempre ambicionei. A Académica, pela História que tem e pelo que representa para a cidade, é o ponto alto da minha carreira. Estou bastante satisfeito e os meus objectivos são os objectivos da equipa.”, começou por dizer.

Aos 28 anos, Marinho continua na Briosa um percurso ascendente no futebol português. Formado no Sporting, Marinho iniciou a sua carreira de sénior no U. Santiago, tendo passado por Vilafranquense, Olivais e Moscavide, Fátima, Naval e agora Académica.

Apesar de se tornar hoje reforço oficial dos “estudantes”, Marinho afirmou que já recebeu “muitas mensagens de carinho de adeptos da Académica”, pelo que melhor recepção seria difícil.

“Já recebi muitas mensagens de carinho de alguns sócios da Académica e estou muito feliz por isso. Espero que nos venham apoiar durante a temporada porque vamos retribuir com vitórias.”, terminou.



“Vendo agora todo este entusiasmo e movimento a rodear a equipa, mais me convenço de que a Académica de hoje é o prolongamento da Académica de sempre. É por isso que ela não se define.”, Borja Santos, um dos primeiros jogadores da Briosa, vibrando com a subida de divisão, em 1972 / 1973.

 Sócios

Faz-te Sócio

 Loja Online

Loja Online

 Histórico e Palmarés

Histórico e Palmarés

 Redes Sociais

 

 E-Sports

E-Sports

 Briosa Pelo Mundo

Briosa pelo Mundo

 Press Center

Press Center

 Newsletter da Académica

Clique aqui