Rss

Get Adobe Flash player

 
Porque sou da Académica: Texto do Dr. Campos Coroa
Segunda, 30 Outubro 2017

1 – Toda a minha família é da AAC e eu não poderia deixar de ser desta Instituição que amo porque , também aqui , o ADN é fundamental.

2- É a Maior Instituição Desportiva e Cultural Portuguesa - já que sempre vimos a AAC como um Todo – não apenas o Futebol. Movimenta mais de 5.000 atletas por dia em treinos nas mais diversas Secções Desportivas. – 26 ; Se pensarmos em modalidades raras em Portugal como o Basebol p.ex. a AAC tem.

3 – Possui 15 Secções Culturais entre as quais a RUC- única Rádio-Escola da Península Ibérica.

4- Tem 26 Núcleos de Estudantes

5- São também da Instituição 10 Grupos Académicos : como a Fan-Farra Académica de Coimbra ou a Tuna de Medicina da Universidade de Coimbra , como exemplos.

6- Existem na AAC 10 Organismos Autónomos entre os quais o TEUC – Teatro dos Estudantes da Universidade de Coimbra , fundado em 1938 ,entre outros, por meu tio José de Campos Coroa e que é o Grupo de Teatro Universitário mais antigo da Europa em actividade contínua e o Nosso OAF que é o “ clube “ dos Estudantes , uma instituição que é um verdadeiro símbolo Nacional e até mesmo planetário com várias filiais espalhadas pelo Mundo. Dimensão esta só foi possível de atingir porque em torno da Bandeira da “ Briosa “ se reuniu a generosidade de milhares de jovens que nos meandros desportivos deram o melhor de si próprios e fora deles mantiveram comportamento cívico que tudo fez , sem recuos , pela Liberdade e Solidariedade Nacional.

A AAC –oaf no dizer de Manuel Alegre “ não se explica. Implica poesia e paixão. Não se é da Académica por isto ou por aquilo , é-se da Académica porque sim !

Hoje em dia uma AAC-oaf representada apenas por estudantes já não pode regressar já que o poder do “ Negócio “ do futebol o impede. Mas , uma AAC-oaf representada pelo maior número de Estudantes possível é o caminho ! Vamos agregar em sua volta mais sócios e adeptos , cativando a cidade de Coimbra ( a começar pelos jovens) rumo às vitórias necessárias para recolocar a AAC , já esta época , na Divisão Principal do Futebol Nacional. É por tudo isto que é muito importante a presença no Congresso do próximo dia 4 de Novembro ,pois há que traçar caminhos novos e reacender o farol da Esperança.

Parafraseando de novo o Poeta Manuel Alegre : “ Somos da Académica como quem respira e , quando vejo uma camisola negra entrar em campo , é para mim uma festa e sinto uma lágrima no canto do olho. A Académica é isso : uma festa , uma lágrima “.

E é assim há 130 anos…

José Emílio Vieira de Campos Coroa



Nos anos 30 surgem importantes grupos de apoio à Académica. Em 1936, deu-se a criação dos “Cowboys" que usavam sempre um lenço vermelho ao pescoço. Em 1937, surgiram “Os Fans” que, a par dos “Cowboys”, ressuscitariam na segunda metade dos anos 80. Foi então que, em Abril de 38, e quando nenhum clube tinha claques, os adeptos da Académica conseguiam juntar duas mil pessoas para um jogo com o Belenenses, nas Salésias…

 Hino da Académica

Get Adobe Flash player

 Sócios

Faz-te Sócio

 Histórico e Palmarés

Histórico e Palmarés

 Redes Sociais

 

 E-Sports

E-Sports

 Briosa Pelo Mundo

Briosa pelo Mundo

 Press Center

Press Center

 Newsletter da Académica

Clique aqui